sábado, 8 de outubro de 2016

CARTA PARA O AMOR QUE VAI CHEGAR – INSPIRADA EM ZACK MAGIEZI

CARTA PARA O AMOR QUE VAI CHEGAR

INSPIRADA EM ZACK MAGIEZI


zack magiese, poesia, estranheirismo, carta para o amor



Uma das séries de poesias do Zack Magiezi se chama “Carta para o amor que vai chegar”. É possível seguir o autor pelo Instagram @zackmagiezi ou comprar seu livro “Estranheirismo” que possui uma coletânea das poesias postadas no Instagram.

Lendo essa série, tive um desejo de escrever a minha própria carta para o amor que vai chegar. Essa carta é dedicada ao Zack e a todas as pessoas que esperam desejosas por um amor. Segue abaixo.

Belo Horizonte, 08 de outubro de 2016

Querido amor,

Tenho me questionado muito o porquê da sua demora. Todos me falam que você chegará no tempo certo, mas sempre fico ansiosa por saber que tempo será esse.

Já imaginei que se você chegasse há um tempo atrás, talvez eu não estivesse preparada para te receber. Minhas gavetas interiores estavam cheias de lixos emocionais e eu estava gastando todos meus esforços tentando organizá-las, descartando tudo que não prestava e construindo algo bonito para te mostrar, para ME satisfazer e me deixar inteira. Nessas horas eu sinto aliviada que você não tivesse chegado naquela época.

Outras horas eu penso que você podia ter chegado mesmo assim, pois você seria generoso em compreender meu caos interno (e eu também em compreender o seu), não me desmerecendo pelas minhas desorganizações. Talvez você até me fizesse um café e sentasse do meu lado sem falar nada, só para dizer que estaria do meu lado pro que der e vier. E eu o entenderia e isso me acalmaria. Não é assim o amor: generoso, acolhedor e sábio? Nessas horas eu brigo com o tempo e o chamo de mesquinho, que até hoje quis você só pra ele.

O pior é que não adianta brigar com o tempo e nem com Deus. Eles já me disseram que não podem fazer nada por mim nem por nós. Eles me contaram que nós dois somos como dois cegos tateando no escuro da imensidão da vida, e que teremos que nos encontrar sozinhos, sem ajuda alheia.

Onde está você meu amor? Onde estou eu? A quantos quilômetros de distância nos encontramos? Em qual distância se encontra nossos corações?

Estou preparando um presente para quando você chegar. É uma surpresa! Mas o que posso contar é que é tão bonito quanto um campo de lavandas na primavera. É suave ao mesmo tempo em que é grandioso. É pra tocar fundo no seu coração e te conquistar de vez, no primeiro instante em que nossos olhares se cruzarem.

Será que você vai me reconhecer de primeira, meu amor? Será que eu vou saber que é você? Ou será que vamos nos enxergar primeiro como amigos e iremos construir uma proximidade e intimidade que com o tempo se transformará em amor? Novamente me deparo aqui com o tempo...

Eu acho que ainda sou igual criança pequena. Não aprendi a lidar com o tempo de uma forma sábia. Ainda lido com ele de forma ansiosa e me frustro quando ele não me obedece.

Me desculpe meu amor, ainda há muitas gavetas por arrumar...

PS: você gosta de dirigir em estradas?
Ass.: Adriana Freitas


Adriana Freitas
Psicoterapeuta Sistêmica
em Belo Horizonte
Instagran: @solteirosecasais


Referência da Figura:
1. foto extraída do google


#adrianafreitas #adrianafreitaspsicoterapeuta #solteirosecasais #amor #afetividade #carinho #relacionamentos #relação #comportamento #terapiadecasal #sexualidade #casal #casamento #solteiros #saúde #comunicação #paixão #carência #parceiro #cuidar #saudades #psicologia #psicóloga #terapiafamiliar #sistêmica #visãosistêmica #terapia #belohorizonte #psicologabh #zackmagiezi #estranheirismo


8 comentários:

  1. Lindo! Texto que coloca todes nós pra frente. Um incentivo para nós também limparmos nossas gavetas, escrevermos uma carta e pensar, no meu caso, não em que dirige em estradas, mas em quem adora cozinhar...rs.

    Eu fiquei emocionado.

    Um abraço e obrigado por compartilha-lo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bacana Gus! Fico feliz que o post tenha te tocado dessa forma! E haja gavetas para limpar!
      Agradeço seu carinho de sempre, querido amigo!
      Abss

      Excluir
  2. Oi Adriana, mais que é uma carta é um poema...coisa mais linda...logo ...logo seu amor chegará, assim que ele receber essa carta tão linda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço seu comentário Sueli! Fico muito grata pelo carinho e incentivo! rs
      Um abraço carinhoso

      Excluir
  3. Nunca cometei nenhum dos vários textos seus que li, mas esse sim, foi o centésimo e digno disso. Maravilhoso! Emocionante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula, fico muito feliz que você acompanhe o blog! E fico muito alegre que o post tenha te emocionado. Não tem retorno mais bonito do que tocar o coração das pessoas!
      Um abraço carinhoso!

      Excluir
  4. Adriana, que maravilha de texto!!! Impossível não haver identificação com a espera e a arrumação interior... Que este amor suave e perfumado nos encontre em breve!!! Xero...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bacana você ter se identificado com o texto Verônica!
      Que você possa fazer essa arrumação com muita disposição e possa também ser abençoada com o amor em sua vida!
      Um abraço
      Adriana

      Excluir